Estudo de brasileiro sugere nova dispersão dos tetrápodes no Permiano

Espalhe a notícia...Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Email this to someone

Os vertebrados terrestres foram os primeiros a colonizar regiões de altas latitudes durante o Permiano, há cerca de 270 milhões de anos atrás, após a glaciação continental. Porém, mesmo com 150 anos de estudo nessas áreas, as origens biogeográficas dessas comunidades permaneciam ocultas, até o trabalho recente de Juan C. Cisneros, brasileiro, publicado na Nature Communications.

Neste trabalho, Cisneros e sua equipe relatam sobre uma nova fauna de tetrápodes da América do Sul na Gondwana tropical ocidental, que sugere um novo padrão de distribuição dos tetrápodes.

ncomms9676-f3

De acordo com o artigo, o Nordeste brasileiro continha um grande sistema lacustre habitado por uma comunidade única de animais da ordem Temnospondyli (possíveis ancestrais dos anfíbios).

Além disso, os resultados do artigo demonstram que os grupos de tetrápodes comuns em comunidades temperadas do Permiano e Triássico já estavam presentes na Gondwana tropical no início do Permiano.

Esta nova fauna constitui uma nova província biogeográfica que demonstra claramente que a dispersão dos tetrápodes em Gondwana já estava em andamento no início do Permiano.

 

Confira mais informações no artigo: http://www.nature.com/ncomms/2015/151105/ncomms9676/full/ncomms9676.html

About author

Leave a reply

You must be logged in to post a comment.