Tag Archive | biodiversidade

LaGEEvo na Escola

Cumprindo o cronograma das atividades do projeto “Biodiversidade da ictiofauna do trecho superior do rio Paranaíba – estratégias para educação ambiental“, financiado pela Fundação Grupo Boticário, equipes do Laboratório de Genética Ecológica e Evolutiva do campus de Rio Paranaíba da Universidade Federal de Viçosa estão ministrando palestras e atividades com crianças e jovens de escolas públicas da região.

As atividades tiveram início com o Ensino Médio da Escola Estadual Adiron Gonçalves Boaventura e crianças de 1a. a 3a. série do Ensino Fundamental da Escola Estadual José Luís de Araújo em Rio Paranaíba, e se estenderão a todos os alunos da escola. Para cada faixa etária foram programadas atividades diferenciadas, sempre com as questões sobre a água, peixes e biodiversidade.

1a serie

Alunos da 1a. série nas atividades sobre biodiversidade

Parte da equipe do Laboratório de Genética Ecológica e Evolutiva em apresentação no Ensino Médio

Parte da equipe do Laboratório de Genética Ecológica e Evolutiva em apresentação no Ensino Médio

 

 

 

Biodiversidade da ictiofauna do trecho superior do rio Paranaíba – Estratégias para Educação Ambiental

A conservação da biodiversidade envolve muitas etapas, que passam pelo conhecimento da biodiversidade, avaliação da situação do meio ambiente na qual os organismos vivem e planos conservação de áreas degradadas e manejo de espécies ameaçadas. Tais propostas de conservação e manejo, entretanto, não são eficientes sem o apoio da população, que virá com o conhecimento acerca da biodiversidade local. Neste sentido, a presente proposta tem como objetivo principal realizar um levantamento da ictiofauna do trecho superior da bacia do rio Paranaíba, um importante formador do rio Paraná e tornar esta informação disponível para a comunidade em geral através de material didático e palestras.

Serão realizadas coletas sistematizadas da ictiofauna neste trecho e, com os dados obtidos, serão elaborados material como folders, panfletos, cartazes e calendários para distribuição para a população. Além disso, cursos para professores de ensino básico e palestras para crianças e jovens serão ministrados utilizando-se o conhecimento que será obtido pela pesquisa.

Estas ações poderão auxiliar em eventuais futuros planos de manejo e repovoamento na região, que é caracterizada pelo grande impacto da agropecuária.

Projeto financiado pela Fundação O Boticário: R$ 25.254,00